Coronel Edvan será candidato a vice-governador na chapa de Márlon Reis

O partido Rede Sustentabilidade (REDE) lançou na tarde deste sábado dia 21, o nome de Márlon Reis, ao governo do Tocantins, na eleição suplementar marcada para 3 de junho.

O Rede já havia anunciado o nome de Reis como pré-candidato, no fim de março.
Durante a convenção, que começou por volta de 16h30, em hotel da capital, ele apresentou alguns pontos do plano de governo. Reis também vai disputar, pela primeira vez, um cargo político.

“Entendemos que esse período é de extrema importância. São seis meses que podem ser adotadas medidas preparatórias para um quadro real principalmente no combate à corrupção. É possível ampliar a transparência e revelar os dados reais das contas do estado, abrir diálogo com a sociedade sobre as demandas que podem ser supridas.
Nesses seis meses, vamos preparar o Tocantins para os próximos quatro anos. É possível fazer um governo reorientando o Estado para que ele cumpra no futuro o papel que deve cumprir”.
Porém durante a convenção Reis ainda não havia divulgado seu candidato a vice, mas no final da noite ainda deste sábado o partido escolheu o coronel e ex-comandante da PM Edvan de Jesus Silva. Edvan deve se filiar ao REDE neste domingo, dia 22.

Edvan de Jesus Silva, havia assumido o cargo de comandante da PM, após o também coronel Glauber de Oliveira Santos, ter ido para na Secretaria da Cidadania e Justiça (Seciju), cargos que ambos ocuparam por pouco tempo.

Etiquetas
Comentários
avatar
  Subscribe  
Notify of
Botão Voltar ao topo