Pastor João Feitosa presidente da AD Madureira em Gurupi declara apoio a Vicentinho

O candidato da coligação A vez dos tocantinenses, Vicentinho Alves (PR), cumpriu intensa agenda em Gurupi nesta segunda-feira, 14, organizada e coordenada pela deputada federal Josi Nunes.
As atividades começaram às 6h30, com uma visita ao Matadouro Municipal, onde conversou com os proprietários e funcionários. Às 7h30 fez uma apresentação sucinta de seu programa emergencial de governo aos colaboradores de uma empresa no centro da cidade, reunindo-se em seguida, às 8h30 com diretores da Câmara de Dirigentes Lojistas de Gurupi (CDL).
Antes da caminhada pelo comércio na saída para Peixe, às 11 horas, Vicentinho reuniu-se com o ex-vereador e ex candidato a prefeito de Gurupi, Walter Júnior.

Outro encontro que chamou atenção foi o encontro de Vicentinho com pastores assembleianos, ocasião em que ele recebeu total apoio do presidente das Assembleia de Deus (Madureira) no Tocantins, pastor e ex-deputado federal, Amarildo Martins e do vice-presidente Pastor João Feitosa e finalizou a noite em uma reunião no escritório político da deputada federal Josi Nunes (PROS).
“Nós vamos para o governo do Estado com o pastor Amarildo, com o pastor João Campos e com o pastor João Feitosa que não pediram nada, ao não ser para fazer um grande governo. Eu me senti no dever, pela importância deste segmento, eu disse para eles que os evangélicos do Tocantins vão para uma secretaria me ajudar a governar o Estado [..] Pela primeira vez na história do Estado vai um evangélico para uma pasta importante que já estamos conversando” disse Vicentinho.
Ele também defendeu algumas afinidades com os evangélicos em suas votações no Congresso Nacional.
“Eu fico tranquilo porque sempre votei a favor das famílias e nos princípios cristãos. […] Sou um político que nunca me abstive de votação ou voto sim ou não e neste caso, se buscarem nos arquivos do Congresso Nacional, eu sempre votei do jeito que vocês gostariam que eu votasse”, disse Vicentinho aos pastores.
O presidente da Igreja Assembleia de Deus de Gurupi, João Feitosa, justificou que o apoio à candidatura de Vicentinho ao governo ocorreu depois de muito diálogo dele como o pastor Amarildo Martins e teve como peso o compromisso do candidato com a família tradicional inserido dentro dos princípios e valores que a Igreja defende, citando exemplos como as campanhas contra o aborto e casamento de pessoas com o mesmo sexo.
“Eu disse que nós precisamos caminhar junto, todos os pastores das Assembleias de Deus dos 139 municípios nesta eleição suplementar e na eleição de outubro também. Depois de avaliar todos os nomes bons e de conversar com todos os candidatos eu conversei com senador Vicentinho eu disse que era o nome mais alinhado com os nossos princípios e com os nossos valores e com as demandas do nosso segmento, porque nós temos atuações na área educacional, social e temos uma série de demandas que precisamos dar continuidade e prestar serviço à comunidade e por isso eu penso que o nome que mais se alinha neste momento é o do senador Vicentinho”, disse o pastor.
O presidente das Assembleia de Deus, pastor Amarildo Martins convocou todos os pastores a defenderem a campanha de Vicentinho Alves.
“Nós não podemos pedir votos dentro da igreja e viemos aqui para pedir cada um dos irmãos o apoio de forma direta, falando nomeando dentro da sua congregação e levando um santinho do Vicentinho”, disse o pastor.
Ele lembrou da convivência com Vicentinho durante os últimos 29 anos e lembrou de fatos quando os dois fizeram dobradinha política na região sudeste do Tocantins.
“Se tem uma pessoa que gosta de pagar contas esta pessoa sou eu, mas toda as vezes que eu ia pagar minhas contas de campanha este moço (Vicentinho) já tinha mandado o Zuzinha ir lá pagar conta na minha frente. Isso é muito difícil no mundo político”, disse o pastor. Com informações atitude.

Tags
Comentários
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com