Após ofender evangélicos Perlla torna-se madrinha de concurso gay e revolta evangélicos

Perlla havia resolvido seguir carreira gospel e ficou cerca de quatro anos longe do funk, porém, após um desentendimento com um pastor evangélico, a cantora optou abandonar a carreira gospel e volta a cantar funk. Segundo a cantora, ela foi escorraçada da Igreja evangélica após cantar pagode gospel em uma rádio e o pastor cancelar o convite que havia feito a cantora e fez um post dizendo que na Igreja dele, ela não pisaria.

Após o ocorrido, Perlla anunciou estar voltando ao funk e isso gerou grande indignação entre os evangélicos que alegaram que a cantora nunca foi evangélica de fato, mas sim havia escolhido seguir carreira gospel visando ganhar dinheiro às custas dos cristãos, já que ela estava apagada na mídia, mas quando viu que não estava conseguindo ganhar dinheiro seguindo carreira gospel, por sua falta de talento com música, resolveu retornar ao funk.

Além disso, muitos cristãos usaram suas redes sociais para criticá-la de diversas outras formas.

A cantora não deixou por menos e fez um post em sua página oficial no Facebook, dizendo que estava arrependida mas que ‘essa crentaiada é um saco’, porém, ao ver que o post poderia lhe gerar problemas, resolveu apagá-lo. Mas antes do post ser apagado, tiraram print e o espalharam em toda internet.