Defesa Civil alerta para casos de enchentes no mês de dezembro

Em novembro, a previsão de volume acumulado de chuvas para o mês era de 200mm e o registrado foi de 392,5 mm.

Redação Sesmu

O mês de dezembro iniciou com bastante chuva na Capital e, segundo a Defesa Civil de Palmas, ainda há muita chuva por vir. Mesmo com os índices de raios ultravioletas (UV) altos, há cerca de 70 a 80% de chuva para o início deste mês. Para o mês de dezembro a previsão é de 210 mm, mas já foi registrado nos dois primeiros dias do mês de dezembro, 122,8 mm.

Em novembro, a previsão de volume acumulado de chuvas para o mês era de 200mm e o registrado foi de 392,5 mm.

Na terça-feira, 04, o tempo estará mantendo o clima úmido e com a probabilidade de 75% de chuva na Capital, com a temperatura máxima prevista de 27°. O dia promete começar com pancadas de chuva a qualquer hora. A umidade relativa do ar fica entre 55% e 98%.

Enquanto na quarta-feira, 05, a temperatura máxima prevista é de 28ºC e a mínima 23ºC. A previsão é de muitas nuvens e pouco sol, podendo ocorrer pancadas de chuva a qualquer hora. A umidade relativa do ar fica entre 69% e 99%. E na quinta-feira e sexta-feira, 06 e 07, a previsão de chuvas também são grandes, cerca de 75 a 80%, com a temperatura máxima de 22 a 30°, com a umidade relativa máximo de 98%. E os índices raios ultravioletas (UV) se manterão altos durante a semana.

A gerente de Prevenção e Mitigação de Desastres da Defesa Civil, Flávia Lustosa, alerta para caso de enchentes, ocasião em que orienta-se entrar em contato com a Defesa Civil. “Com a chuva vindo em maior volume, temos que estar atentos para casos de enchentes na nossa região, se ocorrer, o viável a fazer é jamais enfrente a enchente, a maioria dos resgates nos casos de enchentes é de pessoas que a enfrentaram, não queira retirar tudo de sua residência, retire apenas aquilo que for viável antes que o local seja atingido. Não pise nem mexa em cabos elétricos caídos, não se esqueça de que a água é condutora de eletricidade”, reforçou Flávia.

O boletim divulgado pela Defesa Civil tem como base dados do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (Cptec), do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), da empresa Climatempo e do Núcleo Estadual de Meteorologia e Recursos Hídricos do Tocantins.

Etiquetas
Comentários
avatar
  Subscribe  
Notify of