URGENTE: Assembleia de Deus de luto: Pastor comete suicídio após o culto

Esse é o primeiro caso de suicídio entre pastores registrado no Brasil em 2019

O primeiro caso de suicídio em 2019 envolvendo um pastor dirigente ligado à Convenção Estadual das Assembleias de Deus no Piauí (Ceadepi), foi registrado em Teresina-PI, por volta das 04:30 do dia 01 de janeiro.

O presbítero, que exercia a função de pastor dirigente, conhecido como pastor Machado (60), participou da Santa Ceia, orou, congratulou-se com os membros da igreja, e já em casa, por volta das 4:30h, foi ao banheiro e tirou a própria vida.

Segundo o pastor Daniel Fontinelle, presidente da Assembleia de Deus Missões em Barra da Alcantara-PI, o pastor Machado pastoreava igrejas há cerca de 30 anos, e estava passando por uma profunda depressão.

“Era um grande homem de Deus, dedicado à obra do Senhor Jesus; pastoreou durante 30 anos igreja aqui no Piauí, mas, de repente, foi acometido por uma depressão profunda. Ele tinha entregado a igreja cerca de um mês atrás para realizar tratamento”, lamentou o pastor Daniel Fontinelle.

Durante o ano de 2018 vários pastores cometeram suicídio, e todos estavam passando por depressão.

No mundo todo estima-se que em um dia, aproximadamente 2.191 pessoas cometam suicídio. Isso significa que cerca de 800.000 suicídios são registrados por ano. Estes números são alarmantes e desnudam uma outra situação correlata que também merece toda nossa atenção: a depressão, cujos índices também aumentam progressiva e preocupantemente em todos os continentes.

Detalhes sobre o sepultamento e velório do pastor não foram divulgados. Pastores e líderes no país inteiro, buscam uma solução para prevenir o suicídio entre pastores que cresce a cada dia no Brasil e no mundo.

Etiquetas
Comentários
avatar
  Subscribe  
Notify of
Botão Voltar ao topo