Pastor Samuel Mariano desabafa nas redes sociais e crítica igrejas

Na manhã desta quinta-feira (14), o cantor gospel Samuel Mariano fez uma publicação em suas redes sociais onde desabafou.

Na manhã desta quinta-feira (14), o cantor gospel Samuel Mariano fez uma publicação em suas redes sociais onde desabafou, questionando a respeito das igrejas do Brasil que tem condições e não ajudam aqueles que não possuem condições necessárias para viver, tampouco para manter uma igreja.

O cantor, na publicação, usou o nordeste como motivo de desabafo, pois esta região, principalmente o sertão, é uma localidade que possui um nível de carência muito grande.

O cantor disse que muitas dessas localidades são acompanhadas e suas necessidades são supridas por pessoas que são das religiões de matrizes africanas, e as pessoas que tem suas necessidades supridas e são acolhidas por esse povo são oferecidas inteiramente aos deuses deles e tempo depois essas pessoas carentes acabam se rendendo a esses demônios, que por sua vez, predominaram nesta região, e sem sabedoria prestaram gratidão à um deus que o verdadeiro intuito é ceifar a vida destes.

“maioria destes lugares os centros de umbanda é quem socorre o povo…” Falou o compositor.

O que Samuel quer mostrar é que os cristãos estão mais interessados em saber do seu próprio “eu”, de apenas se importar com as necessidades de sua congregação, se o templo no qual estes servem estão bem, nada mais precisa estar bem além de sua vida, o cantor disse ainda que gastam rios de dinheiro com congressos para estarem super-lotados, com missionários que nem os próprios fiéis viram e tão pouco sabem se realmente eles existem.

+Malafaia irrita internautas ao criticar lei que torna homofobia em crime de racismo

“…apenas dizem: sustentamos 300 missionários, mas nunca os vimos, nunca os abraçamos, nunca olhamos nos olhos deles, às vezes penso que eles são fictícios.” Ressaltou Samuel indignado

Por fim o cantor falou que a igreja clama por missionários que estejam aptos a servir por amor e não por dinheiro, porque segundo Samuel é obrigação de cada cristão, de cada membro da igreja falar do amor de Jesus.

“…é obrigação de quem foi resgatado pelo sacrifício da Cruz.” Falou o cantor

Concluiu dizendo que o nordeste dele precisa de missionários para afastar a idolatria dessas localidades e trazer Jesus para o centro dessas regiões.

View this post on Instagram

Porque mandamos tanto recurso e gente pra fora do nosso país? Porque construímos tantas coisas fora? Porque fazemos campanha gigantescas pra arrecadar pra fora do nosso país? (É preciso também) MAS Às vezes eu mesmo começo a responder, acho que é porque é chique, ou deve comover muito mais, ou então a arrecadação deve ser melhor. Sou nordestino, ando meu Nordeste todo, seja de carro, a pé, avião, charrete, bicicleta, moto, trator… eu conheço esse torrão, eu sei da necessidade desse lugar, na Bahia eu consigo te apresentar pelo menos 2 mil comunidades como essa que não tem uma igreja, nem tem um crente, e não sei se há interesse de mandarem pra cá um missionário, e se mandar querem sustentar ele com 500 reais mês. Enquanto a gente como igreja não chega, pasmem vocês; a droga já chegou, prostituição, depressão, pedofilia, tudo que o diabo fez nos projetos do inferno, já chegou antes da gente, maioria destes lugares os centros de umbanda é quem socorre o povo, em alimento, um dinheiro pra remédio, um carro pra levar no hospital, em troca? Eles têm os Xangô lotado, crianças sendo entregues a demônios, e nós como igreja preocupados como vai ser a programação do nosso congresso que tem que ser maior que a do outro departamento. Ou da outra igreja. Arrecadamos muito pra coisas banais, passageiras, nossos missionários vivem no limite, não temos relatórios, apenas dizem: sustentamos 300 missionários, mas nunca os vimos, nunca os abraçamos, nunca olhamos nos olhos deles, às vezes penso que eles são fictícios. Empresários dentro da igreja frustrado em ajudar, porque já ajudaram, mas não tiveram prestação de contas, investiram muito dinheiro e no final não se sabe pra onde foi. Jovens querendo ser tudo, menos MISSIONÁRIOS, a pergunta é porque? Simples, eles serão aquilo que nos da linha de frente incentiva-lós a serem, os cultos de missões precisam sim, serem os cultos mais lindos das nossas igrejas, falar de Jesus pra alguém não é chamada, dom, unção, ou ministério, é obrigação de quem foi resgatado pelo sacrifício da Cruz. Acorda pra missões igreja, meu Brasil clama por missionários, meu Nordeste não é o centro da idolatria, esse pedaço de chão é de Jesus.

A post shared by Samuel Mariano (@samuelmarianooficial) on

 

Etiquetas
Comentários
avatar
  Subscribe  
Notify of
Botão Voltar ao topo