Pelo Twitter, Kátia Abreu afirma se contra armar “Cidadão Brasileiro”; confira

O brasileiro não precisa de armas, precisa de proteção da polícia, afirmou a senadora

A Senadora pelo Tocantins, Kátia Abreu (PDT), usou sua conta pessoal do Twitter neste sábado dia, 15, para se posicionar contra o decreto legislativo 9.797/2019, editado pelo presidente Jair Bolsonaro, que flexibiliza a posse de armas no Brasil para o cidadão de bem.

A mensagem da senadora veio dias depois da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou os projetos que anulam o decreto de armas assinado pelo presidente Jair Bolsonaro. Agora, o tema deverá passar pelo plenário do Senado e pela Câmara, e o com certeza contará com o voto da senadora para cancelar o decreto do presidente.

O decreto de Bolsonaro questionado pelos senadores promove várias flexibilizações para a posse de armas. Uma das medidas amplia o direito a categorias profissionais como advogado, oficial de Justiça, caminhoneiro, jornalista que atue na área policial, conselheiro tutelar e agente de trânsito, entre outros.

A medida presidencial também amplia a possibilidade de importação de armas, a compra de munições e a posse, sem restrição, a proprietários rurais – antes, havia a necessidade de comprovar que exercia a atividade de caça.

O relator do projeto defendeu o decreto presidencial. “É uma falácia achar que esse decreto está liberando arma para todo mundo. O que o decreto está fazendo é tornar público o que a Polícia Federal já fazia. Não está liberado (armas) para todo mundo (…), você vai ter que passar por todos os critérios (da PF), que são superdifíceis. É mais fácil você entrar para a polícia para ter a sua arma do que hoje você ter a posse de armas, ainda assim com o decreto”, disse.

Segundo ele, a iniciativa presidencial ajuda o “cidadão de bem” a se proteger e a proteger a sua família. “Somente um cidadão de bem armado terá condições de parar um cidadão do mal armado. Não podemos achar que um cidadão honesto, que teme a lei, vai virar criminoso”, afirmou.

Etiquetas
Comentários
avatar
  Subscribe  
Notify of
Botão Voltar ao topo