Vereador Hélio Santana parabeniza Policia Militar pela formatura de 1.080 alunos do PROERD

Na manhã da última terça-feira, 18, o vereador Hélio Santana (PV), participou da formatura do PROERD, onde 1.080 alunos de dez escolas da capital concluíram o programa depois de três meses de curso.

Fez parte da programação a Tropa de Elite do Colégio da Polícia Militar – Unidade II, teatro com a música 365 chances da Igreja Nova Chance e o coral de alunos da Escola Estevão de Castro. Também foram premiadas as melhores redações dos alunos participantes do programa, além da presença marcante do mascote do Proerd, o leãozinho Dare, que animou a garotada.

Santana destacou a importância do Proerd para capital “As estrelas hoje são os estudantes que estão se formando. Quero parabenizar à PM que têm conscientizado nossas crianças, mostrando que as drogas não é o caminho correto a seguir, o melhor caminho a seguir está firmado nos valores da família e na educação”, completou.

O Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) consiste num esforço cooperativo estabelecido entre a Polícia Militar, a Escola e a Família, tendo como missão e visão:

• Missão: ensinar aos estudantes habilidades para tomada de boas decisões, para ajudá-los a conduzir suas vidas de maneira segura e saudável.

• Visão: construir um mundo no qual os jovens de todos os lugares estejam capacitados para respeitar os outros e para escolherem conduzir suas vidas livre do abuso de drogas, da violência e de outros comportamentos perigosos.

Os objetivos específicos do programa incluem:
• Desenvolver nos jovens estudantes habilidades que lhes permitam evitar influências negativas em questões afetas às drogas e violência, promovendo os fatores de proteção.

• Estabelecer relações positivas entre alunos e policiais militares, professores, pais, responsáveis legais e outros líderes da comunidade escolar.

• Permitir aos estudantes enxergarem os policiais militares como servidores, transcendendo a atividade de policiamento tradicional e estabelecendo um relacionamento fundamentado na confiança e humanização.

• Estabelecer uma linha de comunicação entre a Polícia Militar e os jovens estudantes.

• Abrir um diálogo permanente entre a “Escola, a Polícia Militar e a Família”, para discutir questões correlatas à formação cidadã de crianças e adolescentes.

Etiquetas
Comentários
avatar
  Subscribe  
Notify of
Botão Voltar ao topo