Comitiva da Universidade Cristã da Bolívia conhece como funciona o atendimento ao usuário do SUS em Palmas

Redação Semus

Promover o intercâmbio de estudantes e docentes, tanto na graduação quanto na pós-graduação, das Universidades Cristã da Bolívia (Ucebol) e Federal do Tocantins (UFT) é o objetivo de ambas as instituições. Para isso, Palmas recebeu esta semana uma comitiva formada pelo reitor da Ucebol, Dr. Soo Huyn Chung, diretores e coordenadores de cursos, que na manhã desta sexta, 09, conheceram o Centro Saúde da Comunidade da Arno 44, que funciona como uma unidade escola dentro da rede municipal de saúde.

Chung informou que um convênio entre ambas as instituições de ensino superior está perto de ser firmado, trazendo benefício aos estudantes brasileiros que buscam graduação em Medicina na Ucebol, localizada em Santa Cruz de la Sierra (Bolívia). “Atualmente em nossa universidade contamos com muitos estudantes brasileiros e estamos vendo a possibilidade de poder ajudar que nossos egressos possam obter sua licença como médico aqui no Brasil”, destacou referindo-se ao Revalida (processo de revalidação de diploma para médicos formados no exterior).

Com o convênio espera-se complementar a grade curricular do curso ofertado pela Ucebol para que fique equivalente a grade adotada no Brasil. “Estamos vendo se há uma forma de fazer convênio para uma homologação de estudos como também de títulos, fazer cursos de complementação. Porque há coisas aqui no Brasil que avançaram, porém na Bolívia não avançamos, por exemplo, alguns programas de saúde como Sistema Único de Saúde do Brasil. Isso nós teríamos que dar curso de complementação”, ressaltou o reitor, indicado que os docentes da UFT poderiam ir para Santa Cruz de la Sierra para ensinar os alunos da Ucebol.

Funcionamento do SUS

No CSC da Arno 44, a comitiva tirou todas as dúvidas quanto ao atendimento ambulatorial aos usuários do SUS e como se dá o financiamento dos serviços ofertados, e ainda, as competências da Atenção Primária, Secundária e Terciária; os programas de residência ofertados pela Fundação Escola de Saúde Pública de Palmas (Fesp) que formam os profissionais de saúde para atuar no SUS; a contribuição para a formação dos internos da UFT, Instituto Tocantinense Presidente Antônio Carlos (ITPAC) e Centro Universitário Luterano de Palmas (Ceulp/Ulbra).

Todas as dúvidas foram respondidas pelo médico ginecologista e obstetra, Valdir Francisco Odorizzi (preceptor da Fesp e professor na UFT), pela superintendente de Governança Institucional da Semus, Marttha Ramos, pela médica, Katarina Fonseca, pela diretora de Atenção Primária, Terezinha Teles, e pela coordenadora do CSC, Francisca Ferreira.

O CSC da Arno 44 é uma unidade escola fruto de uma parceria entre a Secretaria Municipal de Saúde e Fesp com a UFT, ITPAC e Ceulp/Ulbra. Entre os serviços ofertados está o atendimento com médico de Família e Comunidade, enfermagem, odontológico, exames ginecológicos e de ultrassom, infectopediatria, nutrição, fisioterapia, entre outros. A unidade tem uma área de abrangência de quase 5.600 pessoas.

“É algo assim de extrema importância essa parceria entre as universidades e algo que engrandece a saúde, que fortalece a nossa Capital e é algo que faz com que Palmas se torne referência em saúde”, finalizou a superintendente, Marttha Ramos.

Uma comitiva brasileira, formada por gestores da Semus e Fesp e professores da UFT deve visitar a Ucebol em Santa Cruz de la Sierra em outubro.

Etiquetas
Comentários
avatar
  Subscribe  
Notify of
Botão Voltar ao topo