MPE, Polícia Militar e parceiros definem estratégias de segurança para a eleições de Conselho Tutelar no Tocantins

No Tocantins, todos os 139 municípios terão suas votações realizadas por meio de urnas eletrônicas, e a Polícia Militar irá atuar em todas as cidades do estado.

O Ministério Público Estadual (MPE), representado pelo Promotor de Justiça e coordenador do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça da Infância, Juventude e Educação (Caopije), Sidney Fiori Júnior, reuniu-se na manhã desta quarta-feira, 25, na sala de reuniões do Quartel do Comando Geral-QCG, com representantes da Polícia Militar, representantes do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), e representantes da Guarda Metropolitana de Palmas.

A reunião teve como objetivo definir os planejamentos estratégicos de segurança e de atuação durante a eleição de conselheiros tutelares, no estado do Tocantins, que ocorrerá no domingo, 06 de outubro.

Na oportunidade foi divulgado as recomendações do Ministério Público (MP), para o dia da eleição, que será realizada, e posterior será disponibilizado uma cartilha aos parceiros, que poderão auxiliar ainda mais.

No Tocantins, todos os 139 municípios terão suas votações realizadas por meio de urnas eletrônicas, e a Polícia Militar irá atuar em todas as cidades do estado para garantir a segurança necessária.

O Tocantins e o Ceará são os únicos estados que contarão com pleito 100% informatizado. “Além de agilizar o processo, a urna eletrônica confere transparência às eleições, principalmente nos municípios pequenos, onde as disputas são mais acirradas”, disse o promotor de Justiça Sidney Fiori Júnior, coordenador do Centro de Apoio Operacional da Infância e Juventude (Caopij).

Para o Comandante do Policiamento da Capital, Coronel Francinaldo Machado Bó, o objetivo da PM é garantir a preservação da ordem pública durante o pleito eleitoral, e para isso os colégios que forem utilizados no processo contarão com a presença ostensiva da PM.

Presenças

Além do integrante do MPE, participaram da reunião o Comandante do Policiamento da Capital, Cel. Francinaldo Machado Bó; Tenente Coronel Flávio Santos Brito, Comandante do Policiamento do Interior; Chefe da 3ª Seção do Estado Maior, Tenente-coronel Folha Leite; Tenente-coronel Ricardo Apolinário, Subcomandante do Policiamento Especializado; Comandante do 1º Batalhão, Tenente-coronel Nunes; Comandante do 6º Batalhão, Tenente-coronel De Sousa; Capitão Oliveira, Capitão Romes; Inspetor José Quixabeira, Inspetor Borges, Romeu Aloísio Feis, cabo eleitoral, Ana Cléia Gomes, CMDCA, e Lídia Xavier, Coordenadora Geral.

Etiquetas
Comentários
avatar
  Subscribe  
Notify of
Botão Voltar ao topo