Palmas está preparada para receber os Jogos Escolares da Juventude que acontecem de 11 a 15 de setembro

Deni Rocha

Todos os equipamentos públicos escalados para os Jogos Escolares da Juventude – Etapa Regional Verde se encontram preparados para receber as equipes com mais de 1600 atletas, de nove estados da Região Norte e Centro-Oeste, nos cinco dias de jogos que acontecem de 11 a 15 de setembro.

Os locais dos jogos são seis Escolas de Tempo Integral (ETI) da rede municipal de ensino, sendo as ETI Tom Jobim, ETI Anísio Teixeira, ETI Rosenir Fernandes, ETI Caroline Campelo, ETI Almirante Tamandaré, ETI Eurídice de Melo, ETI Padre Josímio, Ginásio Ayrton Senna, além dos Colégios Batista e Marista.

Segundo o Comitê Olímpico do Brasil (COB) responsável pela organização do evento, a competição conta com duas faixas etárias, de 12 a 14 anos e de 15 a 17 anos, nas categorias masculino e feminino, em quatro modalidades esportivas, vôlei, basquete, handebol e futsal.

A etapa regional dos jogos foi dividida em três sedes. As outras duas etapas  acontecem em setembro, em Natal (RN) que sediará a região Nordeste e Cascavel (PR) sede das regiões Sul, Sudeste e parte da região Centro Oeste. A etapa nacional ocorre entre 11 e 30 de novembro em Blumenau (SC).

O gerente de Esportes de Base do COB e coordenador Geral dos Jogos Escolares da Juventude, André Mattos, explica que a regional sediada em Palmas contará com a maior quantidade de atletas, com cerca de 1700 jovens de nove estados, todos da região Norte, mais Distrito Federal e Mato Grosso.

O presidente interino da Fundação Municipal de Esportes e Lazer (Fundesportes), Marcelo Wallace, esclarece que toda a organização dos jogos fica por conta do COB, à prefeitura de Palmas coube o papel de viabilizar o fornecimento de transporte dos atletas dentro da Capital, com ônibus, vans e carros, postos de atendimentos médicos nos locais dos jogos, equipamentos de informática, além dos espaços de competição dentro das escolas da rede municipal de ensino, além da criação de um Comitê Local para fazer o papel de interlocução com o COB e coordenar as contratações locais, como o transportes.

Wallace diz ainda que a conquista para sediar a etapa regional é muito importante porque coloca Palmas no cenário de realização de grandes eventos esportivos nacionais. “Estamos dando um passo após outro e nos preparando com uma infraestrutura adequada para esta etapa, e evoluindo para no futuro alçar vôos maiores e tentar buscar sediar uma etapa nacional”, finalizou.

Fazem parte da coordenação local, além da Fundesportes, as Secretarias de Educação, Saúde, Mobilidade e Segurança, Turismo, Finanças, Planejamento e de Comunicação.

Edição e postagem: Lorena Karlla

Etiquetas
Comentários
avatar
  Subscribe  
Notify of
Botão Voltar ao topo