Prefeitura faz primeira visita social aos moradores do Recanto das Araras I

Juliana Matos

Data: 28/02/2020
Local: Araras I.
Visita da Secretaria de Habitação a moradores do Recanto das Araras I. Paulene Porta (assistente social) e Tainara Sousa (universitária).
Foto: Regiane Rocha.

A Prefeitura de Palmas iniciou na manhã desta sexta-feira, 28, a primeira visita de monitoramento do projeto habitacional do Recanto das Araras. O empreendimento social contemplou 500 famílias de Palmas na Região Sul de Palmas, próximo ao Jardim Janaína.  As chaves das casas foram entregues ainda em dezembro de 2019.

 

Trata-se da primeira ação do monitoramento social que será realizado por dois anos com os contemplados com unidades no empreendimento. Nesta primeira visita foram confirmadas informações cadastrais dos ocupantes, bem como conferidos se os moradores estão sendo atendidos em demandas de outras áreas, como matrícula regular de crianças e adolescentes, transporte, coleta de lixo e acompanhamento de saúde.

 

Primeira visita

 

A visita é feita por equipes sociais da Secretaria de Habitação acompanhados por estudantes de Serviço Social da Universidade Paulista (Unip). Na Quadra 05, a dona de casa Enilza Rocha se mudou no fim de dezembro. Nesta sexta-feira, 28, ela recebeu a assistente social Paulene Porta e a universitária Tainara Sousa.

 

“Realizei um sonho. Estar aqui tem sido muito bom, já conheço os vizinhos, a agente de saúde já passou por aqui e já começou a passar o transporte escolar para meu filho. Agora posso dizer que tenho meu próprio lar”, conta Enilza, que já faz planos de realizar melhorias na casa. “Quero fazer um muro e deixar minha casa mais confortável para receber visita”, disse.

 

Casas fechadas

 

Notificações sobre a visita foram deixadas nas unidades fechadas. As equipes sociais retornarão nelas neste sábado, 29, a partir das 8 horas. O secretário municipal de Habitação, Fábio Frantz, reforçou que esta visita é a primeira das ações de acompanhamento social que atenderão o empreendimento e que incluem ainda diagnóstico social e oferta de palestras e cursos de qualificação profissional.